Pôsters e Livros

  • Ordem dos produtos
  • Exibindo 18 de 53 Produtos

    Cartão Postal - Soulfly - cta001

    Cartão Postal - Soulfly - cta001

    R$10,00

    Cartão postal oficial da gravadora Nuclear Blast promovendo a banda de Max Cavalera, ex Sepultura, Soulfly. Medidas aproximadas: Comprimento x Largura = 20 cm X 15 cm

    Cartão Postal - Lost Society - cta002

    Cartão Postal - Lost Society - cta002

    R$10,00

    Cartão postal oficial da gravadora Nuclear Blast promovendo a banda Finlandesa de Thrash Metal, Lost Society. Medidas aproximadas: Comprimento x Largura = 20 cm X 15 cm

    Cartão Postal - Blind Guardian - cta003

    Cartão Postal - Blind Guardian - cta003

    R$10,00

    Cartão postal oficial da gravadora Nuclear Blast promovendo a banda alemão de Power Metal, Blind Guardian. Medidas aproximadas: Comprimento x Largura = 20 cm X 15 cm

    Cartão Postal - Korpiklaani - cta004

    Cartão Postal - Korpiklaani - cta004

    R$10,00

    Cartão postal oficial da gravadora Nuclear Blast promovendo a banda finlandesa de Folk Metal, Korpiklaani. Medidas aproximadas: Comprimento x Largura = 20 cm X 15 cm

    Cartão Postal - Kadavar - cta005

    Cartão Postal - Kadavar - cta005

    R$10,00

    Cartão postal oficial da gravadora Nuclear Blast promovendo a banda alemã de Stoner Rock, Kadavar. Medidas aproximadas: Comprimento x Largura = 20 cm X 15 cm

    Cartão Postal - Helloween - cta006

    Cartão Postal - Helloween - cta006

    R$10,00

    Cartão postal oficial da gravadora Nuclear Blast promovendo a banda alemã de Power Metal, Helloween. Medidas aproximadas: Comprimento x Largura = 20 cm X 15 cm

    Cartão Postal - Blue Pills - cta007

    Cartão Postal - Blue Pills - cta007

    R$10,00

    Cartão postal oficial da gravadora Nuclear Blast promovendo a banda Sueca de Hard Rock, Blue Pills. Medidas aproximadas: Comprimento x Largura = 20 cm X 15 cm

    Quadro - Led Zeppelin - QD017

    Quadro - Led Zeppelin - QD017

    R$300,00

    *Feito através de um pôster da época, com algumas marcas de uso. *Moldura NOVA com acabamento em aço escovado na cor Bronze *Proteção em vidro. Medidas: Altura: 61cm Largura: 91cm

    Livro - Quase Tudo Memórias

    Livro - Quase Tudo Memórias

    R$10,00

    Autor: Danuza Leão Edição nacional, em Português. Em ótimo estado de conservação. 280 páginas. Editora Companhia das Letras. Livro de memórias de Danuza Leão, onde ela conta "quase tudo" sobre sua vida, seus amores, as grandes festas que participou. Uma rememoração da época de ouro das grandes metrópoles, com suas cinematográficas noites de gala.

    Livro - Pic

    R$20,00
    Livro - Pic

    Livro - Pic

    R$20,00

    Livro Usado em bom estado de conservação PIC Jack Kerouac Tradução de Guilherme da Silva Braga Coleção L&PM Pocket

    Quadro - Caveira Skull - qd002

    Quadro - Caveira Skull - qd002

    R$90,00

    Medida aproximada: Largura (24 cm) Altura (24 cm). Quadro Pintado à mão em nanquim pelo artista "Fabio Santos" (Taubaté SP). Peça única. Moldura de madeira com proteção de vidro.

    Livro - Quase Memória

    Livro - Quase Memória

    R$25,00

    Autor: Carlos Heitor Cony Edição nacional, em Português. Em ótimo estado de conservação. 240 páginas. Editora Alfaguara. Alfaguara publica romance clássico de Carlos Heitor Cony, primeiro autor brasileiro do selo de ficção literária da Objetiva "Quase Memória é um livro comovente. Uma lição de afeto póstumo, de delicadeza, de simpatia." - Marcelo Coelho, Folha de São Paulo Lançado originalmente em 1995, Quase Memória marcou a volta de Carlos Heitor Cony à ficção de forma consagradora, depois de mais de vinte anos afastado da literatura. A obra ganhou, em 1996, os prêmios Jabuti de Melhor Romance e de Livro do Ano, pela Câmara Brasileira do Livro. Ponto alto na produção literária brasileira das últimas décadas, este romance explora o território entre a ficção e a memória a partir das reminiscências do autor sobre o pai morto. Nele, Cony mapeia minuciosamente a relação pai e filho: os sentimentos contraditórios, as alegrias e tristezas que não se esquecem, o afeto incondicional e, acima de tudo, a cumplicidade. Tendo o Rio de Janeiro das décadas de 40 e 50 como cenário, a história começa quando o autor recebe um embrulho sem remetente na recepção de um hotel cujo restaurante costuma freqüentar. A primeira reação é achar que se trata do original de um livro, como muitos que costumam parar em suas mãos. Mas logo os detalhes o surpreendem: a letra no envelope é a do pai morto há dez anos, assim como o nó no barbante e a cor da tinta da caneta. Inconfundíveis. Aquele objeto inesperado desencadeia em Carlos Heitor Cony lembranças do pai (Ernesto, jornalista, como o filho viria a ser) e dos tempos de menino. Ao ativar a memória do autor, o misterioso envelope traz de volta sensações e sentimentos experimentados com o pai, como o cheiro de manga, a capacidade de sonhar, de viver a vida com entusiasmo, a alegria pura da infância, que transforma o ato paterno de soltar balões em algo de proporções heróicas. Com grande sensibilidade e contundência, Cony revisita também os sentimentos contraditórios da relação entre pais e filhos: aqueles momentos em que se alternam vergonha e orgulho, medo e respeito. Cony declarou em entrevista que, em Quase Memória, pensou em "evocar do passado distante a figura do pai. Com a perspectiva do tempo, a deformação do tempo, o metabolismo das coisas, eu descobri que o pai era uma figura muito importante não só na minha vida, mas por ele mesmo. E mais ainda, que eu hoje descubro o seguinte, que qualquer pessoa, você, eu, todos nós, se formos pensar na figura do pai, a gente vai dando descontos de sua personalidade, desconto dos episódios mal resolvidos, nós vemos que ele foi uma grande pessoa. O pai da gente é uma figura muito importante".

    Livro - Melancia

    Livro - Melancia

    R$20,00

    Autor: Mirian Keyes Edição nacional, em Português. Em ótimo estado de conservação. 490 páginas. Editora Bertrand Brasil. Foi demais da conta para Claire o dia do nascimento da sua filha. Ao acordar no quarto do hospital depara com o marido olhando-a na cama. Deduzindo tratar-se de algum tipo de sinal de respeito, ela nem suspeita de que ele soltará a notícia da sua iminente separação: "Ouça, Claire, lamento muito, mas encontrei outra pessoa e vou ficar com ela. Desculpe quanto ao bebê e todo o resto, deixar você desse jeito..." Em seguida, dá meia-volta e deixa rapidamente o quarto. De fato, ele sai quase correndo.Com 29 anos, uma filha recém-nascida nos braços e um marido que acabou de confessar um caso de mais de seis meses com a vizinha também casada, Claire se resume a um coração partido, um corpo inteiramente redondo, aparentando uma melancia, e os efeitos colaterais da gravidez, como, digamos, um canal de nascimento dez vezes maior que seu tamanho normal!Não tendo nada melhor em vista, Claire volta a morar com sua excêntrica família: duas irmãs, uma delas obcecada pelo oculto, e a outra, uma demolidora de corações; uma mãe viciada em telenovelas e com fobia de cozinha; e um pai à beira de um ataque de nervos. Depois de muitos dias em depressão, bebedeira e choro, Claire decide avaliar os prós e contras de um casamento de três anos. E começa a se sentir melhor. Aliás, bem melhor. É justamente nesse momento que James, seu ex-marido, reaparece, para convence-la a assumir a culpa por te-lo jogado nos braços de outra mulher. Claire irá recebê-lo, mas lhe reservará uma bela surpresa...

    Livro - Jack Kerouac - Satori em Paris

    Livro - Jack Kerouac - Satori em Paris

    R$15,00

    Autor: Jack Kerouac Edição nacional, em Português. Em ótimo estado de conservação. 128 páginas. Editora L&PM Pocket. Tradução de Lúcia Brito. Em busca de seus antepassados franceses, Kerouac parte para uma viagem à Europa, dando origem a esta alucinatória odisseia autobiográfica. Um dos seus últimos livros, Satori em Paris (1966) é também um insight sobre as descobertas de Kerouac a respeito do misticismo oriental. Satori, palavra japonesa para "iluminação súbita", é o sentimento que acompanha o escritor pelas ruas de Paris e da Bretanha à medida que tenta se reconhecer em meio aos nativos com quem vai se envolvendo ao longo desta inebriante jornada. Satori em Paris, inusual diário de viagem, é Kerouac sendo Kerouac - protagonista e narrador de sua própria história.

    Livro - O Maharishi

    Livro - O Maharishi

    R$20,00

    Produto usado em bom estado de conservação Paul Mason Editora Nova Era Biografia do Homem que Trouxe a Meditacao Transcendental Para o Ocidente. Este e um Livro Essencial Para Todos os Estudiosos da Filosofia Vedica e da Raja Yoga, e que Devera ser Esclarecedor Para Todos os que ja Praticaram, ou Pensam em Praticar a Mt. Beatles The

    Quadro - Rolling Stones the - qd008

    Quadro - Rolling Stones the - qd008

    R$100,00

    Medida aproximada: Largura (112 cm) Altura (75 cm) Retirado da revista "Somtrês". Moldura em madeira. Quadro com algumas marcas de tempo.

    Livro - O Oportunista

    Livro - O Oportunista

    R$10,00

    produto usado em estado regular de conservação Piers Paul Read editora circilo do livro Ao pecado sobrepõe-se o perdão. O crime leva ao castigo. Egoísmo e perversidade chocam-se com o verdadeiro ser humano e toda sua generosidade. O maniqueísmo do autor serve de ponto de partida para diversos temas de sua obra, mas a idéia principal mantém-se única: a trajetória do homem comum ao situar-se entre o bem e o mal. Neste livro retorna à sua temática preferida: o romântico herói que, após trilhar os descaminhos do crime e da desonra, recebe sua punição, convertendo-se ao bem supremo.

    Quadro - Pearl Jam - Lollapalooza Brasil - qd007

    Quadro - Pearl Jam - Lollapalooza Brasil - qd007

    R$350,00

    Medida Aproximada: Largura (54 cm) Altura (68 cm) Quadro pintado à mão em nanquim pelo artista "Fabio Santos" (Taubaté / SP). Peça única. Moldura de madeira com proteção de vidro.